Ainda falando sobre a E3 2014…

Eu sei que já passou quase 2 (dois) meses da E3. Nem precisa falar.

Mas, mesmo assim, eu não poderia deixar de dar o meu parecer sobre este evento que aconteceu em Junho. Até porque eu estava em meio a um emaranhado de coisas, nós mudamos todo o layout do nosso blog (que você pode perceber) e, para quem me acompanha, também pode ver no blog Bobolhando todos os trailers e gameplays de demos que foram divulgados durante a E3 2014.

A E3 sempre foi um evento no qual eu ficava pasmo em ver as novidades. Lembro-me quando foi divulgado o Nintendo 64 em uma E3 dessa lá no passado, com uma cobertura superficial e traduzida (mas informativa) da Super Game Power, que usava a EGM (Eletronic Gaming Monthly) como “fonte internacional”, mesmo ela sendo facilmente achada em qualquer banca.

Para esta edição e para este texto, vou me atentar a pena usar os exclusivos de cada marca como a nova temporada de Killer Instinct com apresentação de T.J. Combo (já anunciaram a Maya como outro personagem, mas na EVO); Forza Horizon 2, que irá trazer dois jogos diferentes para Xbox 360 e Xbox One; Um dos que mais me prenderam a atenção foi a divulgação (e o trailer) de Sunset Overdrive, que vai ser exclusivo para Xbox One; Também foi divulgado mais detalhes sobre Project Spark, que sairá para PC e XBox One e; a presença de um trailer muito rápido Halo 5 e seu modo multiplayer.

Muitos esperavam Quantum Break como surpresa, mas permaneceu o marcado: Agosto, na Gamescom.

A conferência da Sony apresentou algumas coisas novas e de peso para o seu console da nova geração. Entre elas, apresentou The Order 1886, Little Big Planet 3, BloodBorn, até então o jogo que mais me deixou empolgado nessa nova safra que vai vir em 2015. Isso, sem contar o teaser de Uncharted 4.

Até a Nintendo apresentou jogos novos na E3. E sim, foi uma surpresa agradabilíssima! Primeiro foi um jogo muito lindinho do Yoshi chamado Wooly World. Depois foi Mario Maker, onde você vai poder criar fases de no visual do Mario 3 ou nos graficos do Mario em HD. Ou fazer em um e converter no outro. Coisa linda. O cogumelo Toad terá um jogo todinho seu e um novo Mario Party entra na roda. Junto com a sua antes inimiga SEGA, a Nintendo exclusivou Bayoneta 2Sonic Boom, que agora serão exclusivos do Wii U.

Para a alegria dos Nerds, um novo jogo da franquia The Legend of Zelda foi apresentado e fez com que a Nintendo não passasse vergonha na E3. Mesmo não divulgando o aguardadíssimo Star Fox para o Wii U, 2015 já aguarda ansiosamente o que virá, já que vazou, através de uma pequena imagem, uma tela onde Shigeru Miyamoto controlava a nave de Fox McCloud.

No mais, a E3 deste ano foi o evento que mostrou cara nova às novas franquias e mostrou que elas estão sendo melhoradas para nova geração como o novo Batman Arkham Knight que empolgou a todos pela velocidade de gráficos e detalhes; GTA V todo remodelado e com ainda mais detalhes para a nova geração; um novo Rainbow Six que me deixou completamente empolgado com o novo sistema de jogo e um novo capítulo Tomb Raider.

É claro que não poderia faltar o que todo mundo estava esperando desde antes da E3: o novo Mortal Kombat X. Mas este eu vou deixar para outro post, onde irei esmiuçar o que eu estou esperando o que pode vir a acontecer no modo história.

Todos os trailers das 5 conferência que tiveram na E3 2014 você pode conferir aqui, aqui, aqui, aqui, e aqui.

Espalhe:

Facebook
Twitter
Pinterest
WhatsApp
Rogério Lima

Rogério Lima

Gamer desde 1993, aos 11 anos, quando ganhou seu 1º SNES e é fanático por informação desde a N.º 1 da Super Game Power. Hoje, é colecionador de jogos e consoles, os quais guarda com carinho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acompanhe nas redes

Mais popular

Get The Latest Updates

Subscribe To Our Weekly Newsletter

No spam, notifications only about new products, updates.

Mais conteúdo

Continue lendo

Posts relacionados

Novo iPhone SE vale a pena?

A Apple lançou um iPhone barato. É um modelo de entrada? Sim. Mas nem tanto. Vamos explicar! O iPhone SE 2020 é um modelo mais em conta